Sucessão e o exercício de Networking no decorrer do tempo: uma importante pauta para a Empresa Familiar

Uma das riquezas intangíveis de uma Organização Familiar é  sua rede de Relacionamentos . A confiança construída no decorrer do tempo com representantes -chave de uma cadeia de valor : fornecedores; clientes; parceiros estratégicos …

O artigo abaixo publicado pela Harvard Business Review aponta  com sabedoria a importância de manter esse exercício vivo  nos atores de distintas gerações em uma Empresa Familiar .  Tal atitude também representa o compromisso em oxigenar a Empresa a partir de um repertório que se amplia  na medida em que capta o quê o universo externo apresenta de soluções; tendências; impasses; oportunidades; mentorias.

É recorrente na nossa experiência uma postura de fechamento na Família Empresária em que explorar ” despretensiosamente” o mundo externo é  movimento tímido, se não inexistente .   Muitas vezes ouvimos : ” seria bom visitar X fornecedor” ; ” faz tempo que não falamos pessoalmente com Y cliente”.   Impossível não articular esse quadro com o fato de que muitos atores da Família Empresária se encontram inundados com demandas operacionais e táticas que dificultam essa iniciativa.

A passagem do tempo na Empresa Familiar impõe desafios de diversas ordens . Não é porque uma relação de confiança e credibilidade foi afirmada no passado que ela se manterá no futuro. Cabe à geração  mais jovem  conquistar – ” refundar” esse vínculos atribuindo-lhes um uma experiência de credibilidade, responsabilidade e confiança . A Empresa é viva e sua imagem responde ao que é forjado pelos atores responsáveis por esse legado.

O artigo comenta o depoimento de uma Sucessora.  O fundador pediu que ela assumisse esse cuidado ( manter e preservar o Networking) . Ela diz: ” Talvez não teria feito isso por mim mesma. Por outro lado, não sei como sobreviveríamos até aqui sem  tal iniciativa” . Vale a leitura

https://hbr.org/2018/05/building-your-own-network-when-youre-part-of-a-family-business?utm_source=linkedin&utm_campaign=hbr&utm_medium=social

 

 

COMPARTILHAR

ÓTIMA GESTÃO

A ÓTIMA Estratégia e Gestão é uma empresa de Consultoria e Treinamento de Gestão, nas áreas de Planejamento Estratégico, Sistemas de Gestão, Treinamentos e Projetos de Melhoria Lean 6 sigma. Tem como foco o desenvolvimento de projetos que tragam ganhos significativos em produtividade, qualidade e redução www.otimaeg.com.br

ROGÉRIO YUJI TSUKAMÓTO

Prof. e coordenador dos programas de Gestão de Empresas Familiares (EAESP-FGV/SP); Prof. de Empreendedorismo, História Empresarial e Sucessão Familiar em programas executivos da USP, Fundace e INEPAD; Membro do IBGC Instituto Brasileiro de Governança Corporativa Mestre em Business Administration pela The Wharton School of the University of  Pennsylvania (EUA). Um dos mais renomados consultores, em planejamento sucessório para empresas familiares em diversos segmentos, como: Cosan, Petróleo Ipiranga, O Boticário, Tigre, Ajinomoto, ABERT (Rádio e TV), ABRAS (Supermercados), SindPetro e muitas outras. info@gestare.com.br

Héctor Lisondo

O Instituto Lisondo é uma Consultoria Boutique fundada em 1998 com o propósito de promover o desenvolvimento de pessoas e empresas através de propostas customizadas e bifocais (aspectos técnicos e humanos simultaneamente abordados).

Conheça mais

Valéria Lisondo

Biblioteca Virtual

Nosso acervo virtual gratuito.

Veja mais

Empresas Familiares Uma Visão Interdisciplinar

A obra, com participação de Héctor e Valéria Lisondo, é resultado dos debates multidisciplinares que ocorrem nos encontros do Grupo de Estudos de Empresas Familiares da Faculdade de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Comprar

Mudança sem Catástrofe ou Catástrofe sem Mudanças

Esse livro é o resultado da confluência de algumas descobertas da psicanálise aplicadas à organização. Oferece aos líderes alternativas de reflexão para melhorar os seus resultados,  convidando-os para uma mudança pessoal.

Comprar

Inovação Organizacional e Tecnológica

O livro focaliza a crucial questão da inovação desde múltiplos vértices tais como: o tecnológico, o organizacional, do empreendedorismo e desde a perspectiva psicológica onde se aborda o grupo como um organismo em permanente evolução na busca e na afirmação da sua identidade grupal.

Comprar